Abril Azul: Petras reafirma apoio às pessoas com autismo


Petras Vinícius (Foto: CMM/Edilberto Barros) 

Vereador é autor de leis e projetos de inclusão social

Na campanha Abril Azul, mês de conscientização do autismo, a Câmara Municipal de Mossoró reafirma compromisso em prol das pessoas com espectro autista, através de diversas iniciativas. Entre elas, a ação parlamentar do vereador Petras (DEM), que tem trabalho destacado na área.

Ele é autor, por exemplo, da lei municipal nº 3.558/17, que lei estabelece afixação do símbolo mundial do autismo, em placas de atendimento prioritário em supermercados, bancos, farmácias, bares, restaurantes, lojas em geral e similares. A sinalização já existe em alguns estabelecimentos.

Também é de autoria do parlamentar a lei nº 3.559/17, que inclui no calendário oficial de eventos em Mossoró a Semana Municipal de Conscientização sobre o Transtorno do Especto Autista.

Projetos

E temos propostas tramitando na Câmara”, informa. É o caso do Projeto de Lei 4/2019, que dispõe sobre o reconhecimento da pessoa com autismo como pessoa como deficiência para plena fruição de direitos previstos na legislação municipal.

Também realizamos o projeto A Praia é de Todos, em Tibau, para reforçar a importância da inclusão social. Estamos juntos com as famílias e as entidades representativas em prol de uma sociedade mais igualitária, para isso, reforçaremos a mobilização neste Abril Azul”, assegura.

Acompanhe o Blog da Chris pelo Instagram.

Câmara prorroga suspensão de atividades

A Câmara Municipal de Mossoró decidiu, hoje (31), prorrogar a suspensão das atividades até o próximo dia 30 de abril, com base no Ato da Mesa nº 07/2020, de 13 de março de 2020, que regulamenta providências no Legislativo Municipal contra o novo coronavírus (covid-19).

Com isso, permanecem suspensas sessões ordinárias, audiências públicas e outras reuniões plenárias, bem como atendimento ao público e expediente interno (exceto serviços essenciais), em razão da pandemia. A presidente da Casa, Izabel Montenegro (MDB), considera a medida necessária.

Diante do avanço do novo coronavírus e de determinações do Município, Estado e União, e de postura semelhante de outros órgãos públicos no Rio Grande do Norte, não nos resta outra decisão. O momento nos impõe responsabilidade renovada com a vida humana”, justifica.

Acrescenta que, enquanto perdurar a quarentena, os vereadores e vereadoras continuarão a colaborar contra Covid-19 em diversas frentes, e poderão ser convocados para sessão deliberativa, em caso de urgência. “Agradecemos, de antemão, a compreensão”, conclui.

Acompanhe o Blog da Chris pelo Instagram.

Novo decreto prorroga por mais uma semana fechamento do comércio

Representantes da Câmara de Dirigentes Lojistas de Mossoró (CDL), Sindicato do Comércio Varejista de Mossoró (SINDIVAREJO) e Associação Comercial de Mossoró (ACIM) se reuniram nesta segunda-feira (30) com a prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, para discutir medidas de contenção e prevenção ao coronavírus.

Na ocasião, foram informados sobre o novo Decreto municipal, 5.638, cujas determinações prorrogam os prazos do Decreto 5.631, permanecendo as orientações de fechamento do comércio até a próxima segunda-feira, dia 6 de abril.

Art. 2º determina que “fica prorrogado até 6 de abril de 2020 o prazo de que trata o art. 2º do Decreto n. 5631, de 23 de março de 2020”.

Novas medidas

O Decreto 5.638 ainda traz novas recomendações aos serviços essenciais, tais como farmácias, drogarias, laboratórios, distribuidoras de medicamentos e de produtos e insumos médico-hospitalares e congêneres.

Outra inclusão no documento contempla como essenciais estabelecimentos como de oficinas mecânicas e borracharias, em especial para o suporte de transporte de carga de serviços essenciais nas estradas e rodovias, incluindo o comércio de autopeças e ferramentas.

Acompanhe o Blog da Chris pelo Instagram.

Coronavírus: Mossoró confirma primeiro caso de morte

A Secretaria de Estado da Saúde Pública e a Secretaria Municipal de Saúde de Mossoró acabam de confirmar, na noite deste sábado (28/03), o primeiro óbito pelo novo coronavírus no Rio Grande do Norte.


Professor 

A vítima é um homem de 61 anos, professor Luiz de Sousa da Universidade do Estado do Rio Grade do Norte (UERN), com histórico de diabetes, e que teve contato com caso suspeito.

Era do departamento de Química. 

O paciente deu entrada em hospital privado na cidade de Mossoró no dia 21 de março, na última sexta-feira (27), teve a confirmação que estava com a Covid-19, indo a óbito na noite deste sábado.

O Governo do RN e a Prefeitura de Mossoró se solidarizam com a família e desejam força para superar esse difícil momento.

A morte de um potiguar por Covid-19 reforça o que tem sido recomendado diariamente: a população que pode deve ficar em casa e todos devem seguir as orientações das autoridades sanitárias e epidemiológicas. Esse período exige de cada um de nós consciência e responsabilidade.

Acompanhe o Blog da Chris pelo Instagram.

Coronavírus: estudantes de medicina requerem antecipação de colação de grau


(Foto: publicação) 

28 alunos do curso de Medicina da Universidade Estadual do Rio Grande do Norte (UERN), da turma 2019.2, requereram ao Consepe e ao magnífico reitor Pedro Fernandes, a antecipação da colação de grau e consequente expedição do certificado de conclusão de curso.

O pedido, feito em 19 laudas, é muito bem fundamentado. Várias questões são trazidas pelos novos médicos, mas são dois os argumentos principais: a antecipação do processo seletivo do Programa Mais Médicos e a necessidade de novos profissionais para atender à população, ante a pandemia da Covid-19, assim reconhecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Os alunos também se alicerçam na fala do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que orientou instituições de ensino a anteciparam a colação de grau de turmas que já tenham cumprido, no mínimo, 7.300 horas/aula.

No caso dos alunos da UERN, eles já cumpriram 9.050 horas/aula, o que corresponde a 93,39% do total, faltando apenas o estágio supervisionado.

O pedido está muito bem fundamentado e preenche os requisitos do Ministério da Saúde, razão pela qual deverá sem deferido sem maiores dificuldades.

Quem ganha é a sociedade de Mossoró e região, que terá mais 28 médicos à disposição neste momento tão delicado pela qual passa a Saúde Pública.

Acompanhe o Blog da Chris pelo Instagram.

Prefeita cancela edição 2020 do Cidade Junina


(Foto: publicação)

A prefeita Rosalba Ciarlini anunciou na tarde deste domingo (22), que, em função da pandemia do Coronavírus, o Mossoró Cidade Junina deste ano será cancelado. Os recursos serão destinados para a saúde do município.

Desde o começo dessa crise do coronavírus havíamos admitido a possibilidade do cancelamento. No primeiro momento, tomamos as medida emergenciais para o enfrentamento desse problema que está trazendo preocupação em todo o mundo. Com a confirmação do primeiro caso em Mossoró e o pronunciamento do Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, de que haverá um agravamento da doença entre os meses de maio a julho, decidimos cancelar por 90 dias todos os eventos esportivos e artístico-culturais, entre eles o Cidade Junina”, esclareceu.

O cancelamento do MCJ 2020 será publicado no Jornal Oficial de Mossoró (JOM) de amanhã, dentro do decreto de calamidade pública que trará outras medidas de prevenção e combate ao Covid-19.

O Mossoró Cidade Junina aconteceria entre os dias 06 e 27 de junho, seguido do campeonato de grupos de quadrilhas juninas Nordestão, nos dias 11 e 12 de julho.

Acompanhe o Blog da Chris pelo Instagram.

Última Cobertura



FALE COM A CHRIS

Telefone

84 99972 3344 (WhatsApp)

E-mail

contato@blogdachris.com

Localização

Mossoró, Rio Grande do Norte